GRAÇA PARA NOS SANTIFICAR

192
0
Share:
COMPARTILHE ESSE PÁGINA

Vivemos em uma sociedade onde o mérito é a chave que abre as portas para o sucesso, àqueles que conseguem conquistá-lo o fazem pelos seus próprios esforços, pela sua capacidade e pela sua competência, ou seja, vivemos em uma meritocracia, embora que ainda imperfeita. Na meritocracia, como o próprio nome já diz, quem conquista as melhores posições são aquelas pessoas que provaram o seu mérito, que deram provas das suas boas obras, são aqueles que apresentaram os melhores resultados, são aqueles que conseguiram superar a concorrência e as suas próprias limitações.

Nas empresas também é assim, em geral, somos promovidos e crescemos na carreira porque apresentamos resultados e mostramos que temos competências e habilidades que podem ser comprovadas através das nossas ações, das nossas escolhas e das nossas decisões. Em outras palavras, crescemos e conquistamos o sucesso porque merecemos. Para entender a Palavra de Deus precisamos entender bem o conceito de meritocracia e o que ele significa, nós não conquistamos o Reino do Céu por merecimento, nós não tivemos as nossas competências e habilidades avaliadas por Deus.

Nós não conquistamos o Reino do Céu por merecimento, nós não tivemos as nossas competências e habilidades avaliadas por Deus

Não foram os nossos esforços ou as nossas capacidades que nos colocaram no Caminho da Salvação, não foram as nossas ações, as nossas escolhas ou as nossas decisões que os nos levaram ao encontro com Jesus. Não recebemos a vida eterna pelos nossos próprios méritos, recebemos a vida eterna pela nossa fé. Fé é a certeza total e completa acerca daquilo que não podemos ver nem tocar, fé é uma convicção interior sobre aquilo que não conhecemos ou não entendemos. Uma pessoa de fé não vive pelas provas, uma pessoa de fé, vive pela certeza do cumprimento das promessas feitas pelo seu Salvador.

O Reino de Deus não é uma meritocracia, quem entra nesse reino não entra pelos seus próprios méritos, quem entra no Reino de Deus entra pela fé. Na lógica do mundo, o caminho mais justo, é o caminho do mérito, mas aqueles que creem, não vivem pela lógica mundo. Aqueles que creem vivem pela Lógica de Deus. Como disse o apostolo Paulo em 1 Coríntios, a Palavra da Cruz é loucura para aqueles que se perdem e continuam teimando e seguindo a lógica e o caminho do mundo, mas para nós, que somos salvos, a cruz é a expressão maior da Lógica de Deus e do seu poder para a nossa salvação.

Fé é a certeza total e completa acerca daquilo que não podemos ver nem tocar, fé é uma convicção interior sobre aquilo que não conhecemos ou não entendemos

A Palavra da Cruz é loucura para aqueles que são do mundo, porque eles esperam ser salvos pelos seus próprios méritos e pelas suas boas obras. Eles não entendem que Deus fechou todas as portas do céu para aqueles que acreditam que merecem a salvação, e abriu todas as portas dos céus para os pecadores, para os pequeninos, para os humildes, para os que estão sem esperança, para os que vivem sob o peso do cativeiro do pecado. Jesus não veio para os que se consideram “salvos”, Jesus veio buscar você e eu que estamos perdidos, Jesus veio buscar as ovelhas que estão longe do seu rebanho e sentem a falta do seu pastor.

Jesus veio para nos santificar pela sua graça, Jesus veio nos purificar dos nossos pecados através da oferta do seu próprio sangue como sacrifício vivo no Altar da Cruz. A Cruz, para aqueles que creem, não é um instrumento de morte, é um instrumento de vida. A cruz para aqueles que tem fé, é uma porta aberta para o Reino do Céu e para a vida eterna. Fomos santificados pelo sangue de Jesus, fomos lavados dos nossos pecados, fomos libertos do cativeiro da morte, fomos reconciliados com Deus através do sacrifício do Cordeiro.

Jesus não veio para os que se consideram “salvos”, Jesus veio buscar você e eu que estamos perdidos, Jesus veio buscar as ovelhas que estão longe do seu rebanho

Quando Cristo morreu na cruz, Deus Pai que está no céu, chorou as lagrimas da nossa salvação. Deus recebeu o pagamento pelos nossos pecados na Cruz do Calvário, quando seu filho disse que tudo havia sido pago, que não tínhamos mais dívida, que nossos pecados foram apagados. Fomos santificados na cruz, porque Jesus fez o sacrifício por nós e pagou a nossa vida com seu próprio sangue.  Está consumado. Está pago.

 

 

COMPARTILHE ESSE PÁGINA

Leave a reply

Você também vai gostar desse conteúdo